A escola Estadual Professor Honório Rodrigues de Amorim, de modalidade integral, fornece uma grade curricular alternativa, pensando no desenvolvimento social dos discentes e ajudando a construir possibilidades diferentes da realidade social colocada nos bairros periféricos. Para tal, concebemos que desenvolver noções de cidadania a partir da história do bairro Cristo Rei e adjacentes (tendo em vista que nosso público alvo pertence a essa região) é uma forma de compreender historicamente os lugares sociais dos agentes e possibilitar aos estudantes construir outras histórias sobre si. Em conjunto com esse projeto que oferecerá resultados para a comunidade em forma de jornal, pretende desenvolver e sanar deficiências de escrita, noções de cidadania. Ainda nesse projeto, pretendemos estabelecer um vinculo maior e mais representativo com a comunidade, tendo em vista que o espaço escolar deve ser construído pela participação popular e sociedade civil. Articulando o passado, podemos compreender como historicamente um tipo especifico de cultura se mantém marginalizado no sociedade várzea-grandense, tal cultura se refere as artes de rua como batalhas de rima, esportes radicais e grafite. Dessa forma, perceber as relações entre o passado e o presente, possibilitam que os estudantes constituam e pratiquem cidadania, envolvendo-se num cenário cultural que permite pensar o espaço social no qual estão inseridos e transformá-lo a partir da ação social crítica.